Avaí Kindermann está na final do Brasileiro Feminino Série A1




O Avaí/Kindermann está na final do Campeonato Brasileiro Feminino – Série A1 contra o vencedor de Corinthians x Palmeiras, que jogam na segunda-feira (16). Neste sábado (14), no Estádio da Ressacada, o Avaí/Kindermann conquistou a vaga na final na soma dos placares, chegando a 3 x 2 sobre o São Paulo após a derrota em casa por 1 x 0. É a segunda final Brasileira da equipe catarinense, a primeira foi em 2014 diante da Ferroviária-SP.
Foi um confronto bastante equilibrado e a derrota do Avaí/Kindermann por 1 x 0, a primeira da equipe nesta competição em casa, mostra como foi difícil chegar à decisão. O final do jogo foi dramático com a pressão da equipe paulista tentando levar a decisão para os pênaltis. O VAR precisou ser acionado em duas oportunidades: na marcação de um pênalti sobre Julia Bianchi, que o VAR apontou fora da área a falta e em gol do São Paulo, com a confirmação do impedimento da atacante paulista.
No primeiro tempo a equipe do Avaí/Kindermann teve duas oportunidades com a atacante Lelê, uma aos 5 minutos, quando chutou para fora e outra aos 23 minutos, com a boa defesa da goleira Carla. Aos 31 minutos foi a vez de Julia Bianchi marcar, mas a camisa dez do Avaí/Kindermann estava em impedimento. O São Paulo criou várias situações, mas sem perigo. Até que aos 41 minutos, Duda abriu o marcador para o São Paulo, depois de uma cabeçada de Carol para a área.
Com a vantagem ainda no confronto depois da vitória por 3 x 1 na Arena Barueri, domingo passado, o Avaí administrou o resultado. E segurou com toda a sua força. O técnico Jorge Barcellos, sem grandes opções para mudanças, incentivou a equipe, bastante cansada. Duda foi uma das atletas que mais sentiram o forte calor das duas da tarde.  Mas o Avaí/Kindermann teve muitos destaques, principalmente Julia Bianchi escolhida a craque da partida pela segunda vez neste confronto.
O Avaí/Kindermann jogou com Bárbara; Bruna Calderan, Tuani, Simeia e Camila; Zoio, Duda e Julia Bianchi; Paty (Sthephanie), Lelê e Catyellen (Carla). O técnico foi Jorge Barcelos.
O São Paulo jogou com Carla; Giovana, Thaís, Gislaine e Roberta; Natane (Dani), Yaya (Cris) e Duda (Kamilla); Jaqueline (Larissa), Carol e Gláucia. Técnico: Lucas Piccinato
Arbitragem do paranaense Paulo Roberto Alves Junior, tendo como assistentes Rafael Trombeta e Eduardo Gonçalves da Cruz. O quarto árbitro foi Diego da Costa Cidral, de Santa Catarina. Árbitro de vídeo Adriano Milczvski.
Cartões amarelos para Roberta e Gislaine, do São Paulo e Paty, do Avaí/Kindermann (o terceiro da série).


Jogos do Kindermann
Últimos jogos
Classificação do Brasileiro A1
  • PosiçãoClubePts
    142
    233
    333
    429
    528
    627
    727
    824
    924
    1023
    1120
    1214
    1311
    147
    153
    160




  • #VAIKINDERMANN


    Telefone:(49)3561-2199 / Sede: Rua José Bonifácio, nº 1 - Bairro Paraíso - Caçador-SC / E-mail: futebol@kindermann.com.br


    Criação NAVI7
    Skip to content